Polícia Rodoviária Federal abrirá concurso com 500 vagas este mês

19/06/2018 08:41 - Atualizado em 21/06/2018 09:48

(Foto: Jader Paes/Arquivo)

Embora a Polícia Rodoviária Federal (PRF) ainda aguarde a publicação da portaria do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MPDG) autorizando oficialmente a realização de seu novo concurso público, ao que tudo indica a publicação do edital de abertura de inscrições deverá ocorrer imediatamente após o aval de liberação do certame. 

Em entrevista coletiva, na última sexta-feira (15) o próprio ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, afirmou que a intenção é publicar o documento ainda neste mês. “Eles tem o limite para junho. Então tem que sair em junho e deve sair em junho”, disse. Para isto, o órgão já conta com o edital praticamente elaborado, aguardando o aval do MPDG para contratar a banca e, logo em seguida, dar início ao certame.

O diretor-geral da PRF, Renato Borges Dias, confirmou, recentemente, que o órgão pretende dar início ao certame ainda no primeiro semestre, ou seja, ainda este mês. Quando questionado por internautas, em uma rede social, o diretor-geral foi enfático. “O concurso sairá neste semestre. Pode continuar estudando. Boa Sorte”, disse. Vale lembrar que a PRF já conta com uma minuta de edital pronta, que vem sendo elaborada desde o final de 2016, com o objetivo de permitir que o concurso possa ser iniciado imediatamente após a publicação da portaria. 

E a falta do edital não é desculpa para não começar a estudar. Para você se preparar de forma antecipada e garantir a aprovação, o DOL Concursos encontrou no mercado um combo especial de estudo não apenas para a prova da PRF, quanto para o concurso da Polícia Federal, que também está aberto. É um vasto material de videoaulas, material em PDF, exercícios, a última prova da PRF corrigida e ainda orientações para o Teste de Aptidão Física (TAF). Confira e garanta desde já sua aprovação!

Aproveite e veja também informações sobre o concurso da Polícia Federal, que oferta 500 vagas com salários que chegam a mais de R$ 22 mil.

AUMENTO

De acordo com o ministro Raul Jungmann, a seleção contará com uma oferta de 500 vagas, mas esse número pode aumentar, uma vez que o diretor-geral da PRF reforçou, recentemente, que o órgão precisa de 3.000 novos servidores, que podem ser convocados pelo aproveitamento de remanescentes do novo certame. 

O motivo é que, somente em 2018, aproximadamente 2.000 servidores deverão se aposentar. O próprio diretor-geral da PRF, em declaração à imprensa, em dezembro, confirmou que a corporação pode entrar em colapso caso o concurso não seja realizado no decorrer de 2018. Segundo ele, a carência de pessoal, que atualmente é de 2.800 policiais, deve chegar a 4.800 até o final de 2018, e decorrência de aposentadorias, o que reforça a necessidade de nova seleção para recompor o efetivo, o quanto antes. De acordo com a Federação Nacional dos Policiais Rodoviários Federais (FenaPRF) o órgão tem pretensão de formar quatro novas turmas ainda em 2018. A PRF argumentou em seu pedido que nos últimos quatro anos uma grande quantidade de servidores se aposentou o que deixou uma lacuna de quase 3.000 postos e que isso tem prejudicado a segurança nas rodovias.

Salário

- Para concorrer ao cargo de policia rodoviário é necessário possuir curso de nível superior em qualquer área de formação, além de carteira de habilitação a partir da categoria “B”. 

- Em decorrência da lei 13.371, sancionada pelo presidente Michel Temer em 2016, a partir de janeiro, a remuneração inicial da categoria passou a ser de R$ 9.931,57, já com o o auxílio-alimentação de R$ 458.

- Além disso, ainda de acordo com a lei, os servidores contarão com mais um reajuste, em janeiro de 2019, quando o salário passará a ser de R$ 10.357,88, também com o benefício.

(JC Concursos)

NOTÍCIASRELACIONADAS