DOL - Diário Online - Portal de Notícias

PROMOÇÕES

DOLENQUETE

Mais enquetes

CHARGE DO DIA

Mais charges

TUÉDOIDÉ

MAISACESSADAS

Última chance para concorrer a 180 vagas na Marinha Mercante

16/06/2019 07:36 - Atualizado em 16/06/2019 07:36

(Foto: )

Ainda dá tempo de participar do concurso para admissão às Escolas de Formação de Oficiais da Marinha Mercante (Efomm). A oportunidade é de 180 vagas, sendo 100 destinadas ao Centro de Instrução Almirante Graça Aranha (Ciaga), situado no Rio de Janeiro/RJ, e 80 para o Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar (Ciaba), em Belém/PA.

Podem concorrer jovens, de ambos os sexos, que possuem diploma de conclusão de curso de ensino médio até o dia 27 de janeiro de 2020 e idade entre 17 e 23 anos em 1º de janeiro de 2020.

A participação deverá ser garantida até o dia 16 de junho, exclusivamente pela internet, através do site www.marinha.mil.br/ciaga. O Ciaga é o órgão coordenador e executor do processo de seleção.

Ao concluir o cadastro, o candidato deverá emitir o boleto bancário referente a taxa de inscrição, no valor de R$ 68, e efetuar o seu pagamento até a data limite de 17 de junho, observado o horário de funcionamento do banco.

O CURSO

Nas Escolas de Formação de Oficiais da Marinha Mercante (Efomm) são formados oficiais em duas opções de curso: náutica e máquinas. Os alunos irão estudar nas escolas em regime de internato, durante três anos, iniciando no dia 27 de janeiro de 2020. O curso 
compreende atividades acadêmicas, militares e extraclasse.

O oficial de máquinas é responsável pela operação, manutenção e gerenciamento das máquinas, motores e equipamentos que compõem os diversos sistemas do navio. Já o oficial de náutica opera e gerencia os equipamentos de convés, de navegação e de comunicações.

Os cursos são gratuitos, sendo oferecidos: remuneração mensal durante o período em que estiver matriculado; alimentação e alojamento durante o período acadêmico e o estágio de instrução; assistências médica, odontológica, psicológica, social e religiosa durante o período acadêmico e o estágio de instrução; e andaina de uniformes.

Após o término do terceiro ano, o aluno realizará o estágio de instrução de, no mínimo, dez dias, a bordo de navios da Marinha Brasileira. Ao fim do estágio de instrução, o aluno será licenciado do Serviço Ativo da Marinha e, para efeitos de serviço militar, desligado do Ciaga ou Ciaba, permanecendo, no entanto, ligado ao respectivo Centro de Instrução, para a realização do estágio embarcado, continuando, como praticante de oficial.

As vagas para o estágio embarcado serão aquelas eventualmente disponíveis nos navios militares e as oferecidas livremente pelas empresas de navegação brasileiras e estrangeiras conveniadas com os Ciaga e Ciaba. Por isso, o início do estágio poderá não ocorrer imediatamente após o fim do 
estágio de instrução.

Ao terminar o curso, o aluno será declarado bacharel em ciências náuticas, curso de nível superior, e passará a integrar o quadro de oficiais da reserva não 
remunerada da Marinha do Brasil, 
no posto de 2º tenente.

 

NOTÍCIASRELACIONADAS